Chevrolet Cobalt ganha sua primeira versão especial
publicado em 10/07/2015

Chegou nas concessionárias Chevrolet a primeira série limitada do Cobalt, batizada de Graphite. Seu preço é R$ 61.150 para o modelo manual e R$ 64.690, na versão automática.


Itens diferenciados
A versão Graphite agora é a mais cara da linha Cobalt, porque possui alguns itens estéticos e de conforto diferenciados, como por exemplo: bancos e volante revestidos em material premium com costura pespontada, sistema multimídia MyLink com moldura em preto brilhante, tapetes de carpete, soleira de alumínio, novo acabamento monocromático do painel central e das portas em preto (nas demais versões ele é cinza).

Chevrolet Cobalt Graphite

Mais detalhes
Por fora, o Cobalt Graphite traz a grade em preto brilhante, os faróis são do tipo cromo escurecidos e há frisos de proteção das portas pintados na cor da carroceria. Outros itens exclusivos são as lâmpadas Blue Vision, que emitem uma luz mais branca e brilhante, as rodas aro 15 com superfície usinada.

Chevrolet Cobalt Graphite

Nomenclatura
O nome "Graphite" da série especial está na tampa traseira, no adesivo de coluna central, na soleira interna da porta e bordada nos bancos dianteiros. Graphite também é o nome da nova opção de cor da carroceria. Outras cores disponíveis são: Branco Summit, Bege Pepper Dust, Prata Switchblade e Preto Carbon Flash.

Chevrolet Cobalt Graphite

Completo de fábrica
O modelo sai completo de fábrica, com sensor de estacionamento, volante multifuncional com ajuste de altura, ar-condicionado, velocímetro digital, retrovisores externos elétricos, chave tipo canivete com comando para abertura e fechamento dos vidros elétricos à distância, faróis de neblina e computador de bordo. Ainda conta com o sistema multimídia Chevrolet MyLink onde o usuário acessa músicas, fotos, vídeos e aplicativos, inclusive por meio de smartphone. Câmera de ré e módulo de TV são itens opcionais.

Chevrolet Cobalt Graphite

Motor do Cobalt Graphite
O Cobalt Graphite está equipado com o motor 1.8 de 106/108 cv com opção de transmissão manual de cinco marchas ou automática de seis velocidades. Serão produzidos apenas 3.000 unidades do modelo que será comercializado junto com as outras versões LT e LTZ.

Compartilhe esta notícia: